Capixaba é presa com 16,2 quilos de cocaína no Aeroporto do Recife

87

A estudante capixaba Jhullyana Prata Machado, de 20 anos, foi presa em flagrante no início da tarde da última terça-feira (17) com 16,2 quilos de cocaína, a maior apreensão desta droga no ano no Aeroporto Internacional dos Guararapes, na Imbiribeira, na Zona Sul do Recife. A prisão aconteceu durante fiscalização de rotina no terminal de passageiros e foi divulgada nesta quinta-feira (19) pela Polícia Federal em Pernambuco (PF-PE).

Jhullyana não possui antecedentes criminais e residia atualmente no bairro de Colinas de Laranjeiras, em Serra, na Região Metropolitana da Grande Vitória. Além da droga, foram apreendidos cartões de embarque, documentos, um aparelho celular e uma quantia de R$ 1,6 mil. Ela trazia a cocaína de São Paulo e não disse para quem entregaria no Recife.

No momento da abordagem, afirma a PF-PE, Jhullyana apresentou sinais de nervosismo e caiu em contradição durante entrevista prévia aos policiais federais. A bagagem dela foi separada para averiguações e 15 tabletes de cocaína foram achados, totalizando os 16,2 quilos da droga. Após o resultado positivo de narcoteste para cocaína, a suspeita recebeu voz de prisão em flagrante e foi levada à sede da Polícia Federal, no Cais do Apolo, no Bairro do Recife, na área central do Recife.

Ela foi autuada pelo crime de tráfico interestadual de entorpecentes e caso condenada poderá pegar pena de 5 a 15 anos de reclusão. A audiência de custódia confirmou a sua prisão preventiva e a capixaba foi encaminhada à Colônia Penal Feminina do Bom Pastor, no bairro da Iputinga, na Zona Oeste do Recife. Jhullyana está à disposição da Justiça Estadual.

A suspeita não deu mais detalhes sobre quem a aliciou para trazer a droga para o Recife. Apenas em conversas informais com os policiais ela relatou que receberia R$ 5 mil pelo serviço.

Estatísticas do ano
Esta é a quarta apreensão de drogas realizada pela Polícia Federal no Aeroporto em 2018. Ao todo foram presas seis pessoas, sendo quatro mulheres e dois homens. O total apreendido até agora é de 19,7 quilos de cocaína e 80,5 quilos de haxixe.