Casal é feito refém dentro de casa durante assalto e tem equipamentos eletrônicos roubados; homem foi preso

1001

Um casal foi feito refém dentro de casa durante um assalto, em Igarassu, no Grande Recife, na noite de quinta-feira (11). Segundo a Polícia Militar, quatro bandidos participaram da ação, que durou cerca de duas horas, e levaram equipamentos eletrônicos. Na manhã desta sexta (12), um dos homens foi preso e os demais suspeitos são procurados pela PM.

As vítimas são a secretária-executiva de Saúde de Igarassu e o marido dela, responsável pelo controle da frota de veículos da pasta. A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação da prefeitura.

Segundo o comandante da companhia da PM em Igarassu, capitão Deivid Pablo Vieira, os bandidos entraram na residência do casal, no Loteamento Agamenon Magalhães, e também praticaram agressões verbais contra as vítimas. Armados com espingarda calibre 12 e revólveres, eles levaram televisor, home theater e celulares.

“Os bandidos sabiam detalhes da rotina do casal. Eles tinham conhecimento de que as vítimas são funcionários públicos e trabalham na prefeitura de Igarassu”, afirmou o oficial da PM.

O capitão informou que um dos homens foi preso a partir de informações encaminhadas para o 26º Batalhão sobre a presença dele na mesma área do crime, na manhã desta sexta. As equipes fizeram a abordagem e levaram o homem até a casa dele, onde foram encontrados alguns equipamentos eletrônicos.

“As equipes desconfiaram, porque os equipamentos estavam fora de lugar, como se tivessem sido colocados de última hora. Levamos o suspeito e o material para a delegacia, onde as vítimas reconheceram o rapaz e os objetos roubados”, afirmou.

O homem preso foi levado para a Delegacia de Igarassu. O material roubado foi devolvido aos proprietários, que passam bem, segundo o capitão Deivid Vieira.

“Acredito que o rapaz preso deve ser autuado por roubo e cárcere privado. Além disso, encontramos 22 pedras de crack e um pouco de maconha. Isso por provocar a atuação por tráfico”, comentou o oficial da PM.

A Polícia Civil informou, por meio de nota, que José Alex de Souza Barros, de 22 anos, foi autuado e será encaminhado para audiência de custódia.

Deixe seu Comentário!

Assine agora mesmo nosso grupo no WhatsApp e seja o primeiro e saber de tudo!

ASSINAR GRUPO VIP GRÁTIS
Anuncie