Um vídeo gravado por policiais que mostra um jovem fazendo entregas de comida a pé em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, viralizou nas redes sociais. José Anderson havia saído para trabalhar e chamou a atenção dos policiais do 1º BIESP por estar trabalhando a pé.

No vídeo, o jovem é parabenizado pela equipe. “A gente parou aqui para parabenizar pela atitude porque são poucas pessoas que fazem o que você fez e está fazendo. Uma hora dessas, você está fazendo entregas a pé”, diz um dos policiais.

José Anderson pensou, inicialmente, que era uma abordagem, mas foi surpreendido pela doação de uma cesta básica para ajudá-lo. “Peguei uma entrega aqui na lanchonete e fui descendo para fazer a entrega. Quando voltei, vi uma viatura do 1º BIESP que já vinha gravando um vídeo falando sobre mim. Quando olhei para trás, eles perguntaram porque eu estava fazendo entregas a pé e falei que estava sem dinheiro para consertar a moto e sem dinheiro para poder tirar da retífica. Foi aí que ele falaram que iriam me ajudar e me deram uma cesta básica”, explica o entregador.

Ele trabalha como entregador há dois anos e conseguiu dar entrada em uma moto, mas o veículo apresentou problemas mecânicos. O jovem costumava usar uma bicicleta emprestada do vizinho, mas o dono pediu de volta.

A esposa de José Anderson, Estéfane Moraes, se emociona e diz que há dias que eles não têm o que comer e que sente orgulho dos esforços do marido para trabalhar: “Você fica desesperada dentro de casa, sem saber o que fazer. É bem difícil. […] Ele sempre corre atrás das coisas”.

O casal tem uma filha de seis meses de idade. Anderson se emociona ao falar sobre a menina: “Eu digo para minha filha ‘Nunca vou deixar faltar nada para você, minha filha. Nunca vou deixar faltar o que comer dentro de casa”.