Festival ‘A Letra e a Voz’ homenageia poeta Miró e tem programação gratuita no Recife

64

Com o tema “A Cidade do Poeta e o Poeta da Cidade”, o festival “A Letra e a Voz” ocupa a Avenida Rio Branco, no Bairro do Recife, no Centro da cidade, para homenagear o poeta recifense Miró da Muribeca, autointitulado cronista da capital e autor de uma poesia que une lirismo e temas sociais. A programação do evento, que é gratuito e acontece entre 24 e 26 de agosto, foi divulgada nesta quarta (15).

O homenageado desta 16ª edição inicia a programação do festival no dia 24 de agosto, às 17h, em um bate-papo mediado pelo escritor Sidney Rocha. Ao longo do evento, estão previstas rodas de conversa e oficinas, além debates, lançamentos e feira de livros.

No dia 25 de agosto, a programação reserva espaço para a realização de oficinas gratuitas sobre poesia visual, com Clarice Freire; noções de diagramação, com Fred Caju; narrativas em quadrinhos, com João Lin; e narrativas breves, com Marcelino Freire.

As inscrições para participar das atividades são feitas a partir da quinta (16), das 9h às 12h e das 14h às 17h, na Secretaria de Cultura do Recife, no 15º andar do prédio sede da Prefeitura do Recife. Para se inscrever, é preciso doar um livro de literatura pernambucana.

Autor de 13 livros, Miró volta ao festival no encerramento do evento, no dia 26 de agosto, para dividir o palco com o músico Amaro Freitas, o DJ e poeta Clécio Rimas e com a vencedora do Campeonato Brasileiro de Poesia Falada, Bell Puã.

Confira a programação completa
24 de agosto (sexta-feira)

17h – Abertura oficial
18h – A Letra e a Voz de Miró (Bate-papo com Sidney Rocha e o homenageado do festival)
19h – APL apresenta: Projeto Roda de Conversas ─ Conhecendo mais e melhor o Recife (Bate-papo com os autores da coletânea Denis Bernardes de Ensaios – Apresentação por Cícero Belmar e Jorge Siqueira)
20h – Lançamento e sessão de autógrafos com os participantes da coletânea

25 de agosto (sábado)

14h às 17h – Oficinas:
Para diminuir a gravidade das coisas ─ Poesia visual, com Clarice Freire

Agulhas, dobras & cavalos: noções de diagramação e artesania editorial, com Fred Caju

Vento nonsense na cidade ─ Narrativas em quadrinhos, com João Lin

Narrativas breves (e outras bem tanto), com Marcelino Freire

18h – É do sonho dos homens que uma cidade se inventa – Falas com mediação de Cícero Belmar
A Cidade do poeta, por Antônio Paulo Rezende

O Recife de Carlos Pena Filho, por Robson Teles

A São José do Egito de Lourival Batista, por Antônio Marinho

20h – O Cão sem Plumas numa Mesa de Glosas com Clécio Rimas, Dayane Rocha, Edmilson Ferreira, Elenilda Amaral e Paulo Matricó. Coordenação de Jorge Filó.
26 de agosto (domingo)

10h – Festa do Livro, com editoras, sebos, mediadores de leitura, recitais, atividades lúdico-literárias, lançamentos de livros e bibliotecas comunitárias
17h – Reboo – Jam poético-musical: Clécio Rimas recebe Amaro Freitas, Bell Puã e Miró

Deixe seu Comentário!