Homem é preso por matar motorista após ligar pedindo corrida, no Grande Recife

59

Um homem acusado de ligar para um motorista solicitando uma viagem e matá-lo foi preso em Abreu e Lima, no Grande Recife. A vítima trabalhava como motorista de aplicativo, mas aceitou fazer a corrida “por fora”. Segundo a Polícia Civil, ele confessou que cometeu o crime por vingança. Os detalhes da prisão foram divulgados nesta quinta-feira (21).

Elder da Costa Araújo foi preso, na terça-feira (19), no bairro de Caetés 1. Ele assassinou a tiros o motorista de aplicativo Felipe Araújo de Miranda, de 31 anos, no dia 7 de janeiro deste ano, no Alto de São Miguel, de acordo com o delegado Bruno de Ugalde, titular da 6° Delegacia de Polícia de Homicídios (DHP) Paulista.

O delegado relata que Elder foi encontrado tomando caldo de cana quando recebeu voz de prisão. “Como estava foragido, acreditamos que houve um descuido da parte dele. Não houve resistência de sua parte, que confessou o crime”, afirma o delegado.

Segundo a investigação, Felipe estava na rua quando recebeu uma ligação solicitando uma corrida no Alto de São Miguel, por volta das 22h.

“O chamado da viagem não aconteceu pelo aplicativo e isso dificultou a investigação. Quando o motorista estava chegando no local, foi a oportunidade perfeita para Elder e um comparsa [ainda não identificado] executarem o crime”, explica o delegado.

Elder alegou que a motivação foi vingança, pois, segundo ele, a vítima era envolvida com tráfico de drogas. Para o delegado, não há indícios de que Felipe teria envolvimento com crimes e a justificativa seria uma forma de tentar diminuir a pena.

O titular da Delegacia de Homicídios de Paulista explica, ainda, que o crime teria sido planejado desde 2017. Após a prisão, Elder foi encaminhado para o Centro de Triagem (Cotel), em Abreu e Lima.

Deixe seu Comentário!

Assine agora mesmo nosso grupo no WhatsApp e seja o primeiro e saber de tudo!

ASSINAR GRUPO VIP GRÁTIS
Anuncie