Instituições beneficentes são contempladas com leilão da CowParede

168

A CowParede marcou o Recife espalhando vaquinhas coloridas pela cidade, trazendo uma das maiores exposições de arte de rua do mundo, em outubro de 2017. Agora, após o leilão das obras, instituições beneficentes da cidade serão contempladas: Movimento Pró-Criança, Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer (GAC) e a Casa do Amor. As entidades receberão igualmente o valor de R$ 94.946,85. A entrega simbólica foi realizada nesta quarta-feira (28), no edifício-sede da Prefeitura, área central do Recife.

Ao todo, 57 vacas foram espalhadas em pontos públicos estratégicos da cidade. Dessas, 56 foram leiloadas e uma delas, a “psycow”, do artista David Munster, foi doada à cidade e ficará na praça Tiradentes, no Bairro do Recife. “A exposição marcou a nossa cidade, e agora a gente ganha mais um presente que vai ficar na memória e para que as pessoas possam lembrar sempre deste grande evento”, comentou a secretária de Turismo, Esporte e Lazer, Ana Paula Vilaça.

“O colorido que a gente achou através das artes que a gente recebeu, os artistas pernambucanos realmente tinham um traço bem diferente. A arte refletia o frevo, a música, tudo que existe em Pernambuco”, enfatizou a organizadora da CowParede no Brasil, Catherine Duvignau. A organizadora também destacou a adesão das pessoas ao evento e também a participação da sociedade civil no leilão. “Vamos tentar voltar ao Recife, gostaríamos muito”.

A presidente do GAC, Vera Morais, afirmou que o valor recebido será destinado à reabertura de uma UTI, fechada há três anos. “Estamos muito felizes porque nossas crianças haviam perdido este espaço e vamos poder devolver à elas”. De acordo com a presidente, dez leitos voltarão a funcionar.

O fundador de coordenador da Casa do Amor, Daniel Rolim, contou que a instituição estava para “fechar a porta” e que o valor chegou na hora cera. “O dinheiro será aplicado no pagamento dos funcionários e o INSS”. Segundo ele, atualmente a casa atende 12 idosos. “Tem espaço para mais, mas a gente não pode dar uma melhor qualidade porque é muita despesa”, continuou.

A gestora social do Movimento Pró-Criança, Roseangela Almeida, não escondeu a felicidade ao ser contemplada. “É a sensação de receber uma medalha. É um momento de gratidão e de celebrar. O valor será aplicado na cozinha da unidade do Recife Antigo. É um lugar onde as pessoas comem e sempre vão lembrar da vaquinha”, brincou.

Outra entidade beneficiada é a Creche Comunitária Nossa senhora da Boa Viagem, que ganhará o montante de R$ 10,5 mil, arrecadado pela venda da vaquinha nº  4, do artista Derlon.

Deixe seu Comentário!

Anuncie