A Polícia Militar de Pernambuco prendeu, nesta semana, no Recife, o suspeito de ter participação no assassinato do frei capuchinho Anderson da Silva Sobral, de 32 anos, no dia 18 de maio de 2019, em Caruaru, no Agreste pernambucano. Trata-se de Felipe Martiniano Ferreira, de 27 anos, que também é suspeito de ter matado um carroceiro.

Esta última vítima, Alexandre Santos da Silva, de idade não informada, foi morta com diversos golpes de faca, no último dia 31 de agosto, na Travessia Antônio Martins, no Bairro do Vassoural. Segundo as investigações da Polícia Civil, Felipe, juntamente com um comparsa, teria executado o carroceiro para roubar a aparelho de som dele.

Na ocasião, Alexandre chegou a ser socorrido para o Hospital Regional do Agreste, porém não resistiu aos ferimentos. O suspeito já se encontra à disposição da Justiça recolhido no sistema prisional de Pernambuco.